Evite sempre afirmar

E pratique não ação

Aja sempre não agindo

Que haverá solução

Que uma pessoa aprenda

A achar sabor no insosso

Engrandecer o pequeno

Esse um entra no gozo

Multiplicando o que é pouco

Ele deve responder

Ao ódio com gentileza

É isso que há de fazer

Resolvendo o difícil

Enquanto é fácil e ameno

E gerir o grande assunto

Quando é frágil e pequeno

Do mundo as dificuldades

Surgem de causa fugaz

E todos grandes problemas

De pequeno é que se faz

O sábio evita até o fim

Parte ter em grande assunto

E agindo dessa forma

Sua grandeza vem junto

Promessas que são febris

São também de fé carentes

Coisas que parecem fáceis

Dificultam de repente

Assim considera o sábio

Tudo difícil em verdade

É assim que no final

Não tem mais dificuldades.